Manifesto I

Crise…Onde? Será que estamos mesmo em crise?

A avaliar pelo movimento de obras nas cidades, vilas e aldeias de Portugal parece que não. Mas porque é que Portugal está de “patas para o ar” nestes dias? Obras em todo o lado, novas vias, requalificações, rotundas, e até sorrisos. É caso para perguntar o que se passa?

Pois bem, o que se passa é que estamos em ano de eleições. É esta a resposta.

Normalmente, os “nossos” políticos aproveitam esta fase final de mandato para, numa espécie de sprint final, TAPAR os olhos às pessoas, das quais só se lembram agora, passados que estão quatro anos de ANONIMATO total. Infelizmente, esta estratégia superficial e habilidosa, tem atingido, quase sempre, os resultados esperados por quem a desenvolve.

Tenho 21 anos, é a primeira vez que vou votar, mas confesso que não tenho grande vontade. No entanto, irei usar do meu direito de cidadão, para fazer aquilo que a minha consciência me ordenar. Sim, eu votarei em consciência, não tenho cor política felizmente, mas sei que por vezes isso é um obstáculo. Prefiro assim, prefiro ser eu a delinear o meu caminho, e não me deixar guiar por interesses de quem, 99,9% das vezes, só olham para nós uma vez de quatro em quatro anos.

Tenho consciência que este texto não se aplica a todos aqueles que se propõem a sufrágio. Tenho consciência que ainda existem pessoas sérias, pessoas verdadeiramente interessadas  no bem-estar dos outros. Por mais estranho que pareça, são essas as pessoas que ficam sempre no papel de interesseiros e “ladrões”, para utilizar o português mais correcto. Sempre assim foi e será, quem for mais sério é quem é tramado. Não me refiro só á política, é em tudo.

Vale a pena lutar contra esta teia? Eu tenho a minha opinião, e é positiva. Vale sempre a pena lutar pelos nossos direitos e pela nossa dignidade. Quem se limitar a ser conduzido, limita-se-à a não ser mais do que aquilo que já é.

Uma resposta to “Manifesto I”

  1. Acho que devemos ser positivos mas essa também não é uma realidade tão verdadeira. O desenvolvimento em termos de construção abrandou muito…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: